Pacientes em diferentes estágios da luta contra o câncer são as estrelas do calendário 2019 do Centro Oncológico Mogi das Cruzes. A iniciativa faz parte do projeto de  humanização da clínica de saúde e teve como objetivo homenagear todos aqueles que fazem o enfrentamento da doença.

Para produção do material foi organizado um piquenique no Parque Centenário de Mogi das Cruzes e contratado uma equipe profissional para sessão de fotos e também a produção de ummaking off. A ideia do projeto era fazer com os pacientes vivessem um dia de modelo, com direito a maquiador e uma equipe exclusiva para produção fotográfica. A ação contou com a parceria da empresa Natal Turismo, que transportou os pacientes do Alto do Ipiranga – local onde a clínica está localizada – até o parque.

“Nossa intenção não é ser apenas o local que oferece os tratamentos radioterápico e quimioterápico. Queremos fazer a diferença e acolher, de fato, quem nos procura durante a sua luta contra o câncer”, enfatiza o diretor administrativo do Centro Oncológico Mogi das Cruzes, Alvaro Otavio Isaias Rodrigues.

“Eu me senti uma celebridade. Adorei a experiência”, relatou a paciente Jacqueline Casquet Aragão, que venceu o câncer de mama e foi uma das pacientes escolhidas para ilustrar uma das páginas do calendário. Moradora da cidade de São Paulo, ela optou em fazer o tratamento em Mogi das Cruzes “O carinho e cuidado que eu recebo aqui, não encontrei em lugar nenhum, por isso, vale a pena eu me deslocar de tão longe”, explica. “Esse calendário foi uma surpresa muito boa, que vou guardar com muito carinho”.

A sensação de acolhimento também é compartilhada por Abdias Joaquim de Souza Filho, paciente que fez parte da sessões de foto para o calendário. “Viver essa experiência muito gratificante”.

Segundo a psicóloga da clínica, Valéria Rocha Macedo, o tratamento oncológico precisa ir muito mais além de cirurgias e terapias medicamentosas para ser bem sucedido. Estudos nessa área apontam que a qualidade de vida do paciente melhora significativamente quando os recursos convencionais são combinados a ações de humanização.

“Ao convidar essas pessoas para estrelarem as páginas do calendário, quisemos  tornar público a luta corajosa que todo paciente oncológico trava dia após dia. Eles são verdadeiros modelos de força e determinação”, frisa a especialista.

Fonte:Linha Fina

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui