Para relembrar a queda do muro de Berlim, em 09 de novembro de 1989, estudantes do Colégio Humboldt – instituição bilíngue e multicultural (português/alemão), farão neste sábado (09/11) uma ação dentro da programação do Dia da Escola, na qual “derrubarão” muros, que foram “construídos” com caixas de sapato/papelão ao longo dos últimos dias por alunos dos 5ºs ao 12ºs anos. Os muros foram colocados em pontos do pátio do Colégio, causando um certo incômodo ao bloquear passagens rotineiras para alunos, professores, pais e funcionários. A proposta era exatamente mostrar como os muros geram transtornos e podem e devem ser derrubados em prol do bem de todos.

A atividade faz parte do Dia da Escola, que em sua programação contará ainda com uma apresentação teatral protagonizada por alunos do 12º ano (equivalente ao 3º ano do Ensino Médio) que retrata a vida dos alemães que foram separados pelo muro. Para embasar o trabalho, os alunos entrevistaram Bernd Müller, pai do professor de alemão Ronny Müller, para saber detalhes de sua vida enquanto morou na Berlim dividida. Na peça, o papel inspirado nas experiências de Bernd será interpretado por Ronny, seu filho.

A apresentação começará às 12h30. Na sequência, os alunos sairão pelo Colégio para derrubar os muros construídos.

FONTE: CommunicaBrasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui