Na tarde dessa segunda-feira (26) o vereador Renato Ramos de Souza, o Renatinho Se Ligue (PPS) protocolou um requerimento questionando informações a respeito do pagamento do dissídio ao funcionalismo público.

De acordo com o documento, está previsto na lei municipal nº 3.039, de 16 de março de 2011, que a remuneração dos servidores públicos deverá sofrer ajuste anual sempre no primeiro dia de maio, devendo ser realizado de acordo com a tabela INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), que é divulgada anualmente pelo IBGE.

Segundo o documento, a prefeitura não concedeu aos servidores o dissídio referente ao ano de 2017, e questiona ainda se isso irá se repetir esse ano, caso não ocorra novamente, indaga se o executivo está se preparando para cumprir a lei que faz a revisão geral dos servidores públicos esse ano.

O requerimento aguarda para ser lido em sessão. Após aprovado a prefeitura deverá encaminhar a resposta em 15 dias ao parlamentar.