O prefeito José Carlos Fernandes Chacon, o Zé Biruta, se reuniu na tarde desta terça-feira, 14 de agosto, com a equipe da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) para tratar de questões relacionadas ao tratamento de esgoto nos bairros da Vila Cristina e Jardim das Flores.

Na reunião, que ocorreu no Palácio da Uva Itália, na Vila Romanópolis, ficou decidido que para atender as duas localidades, uma estação elevatória de tratamento de esgoto deverá ser construída, isto é, um local que possuirá equipamentos para bombear o esgoto de partes mais baixas para mais altas. O investimento deve ser de aproximadamente R$ 15 milhões.

Sendo assim, a Sabesp solicitou à Prefeitura a desapropriação de uma área do Cambiri para que a estação seja construída. No encontro, o prefeito Zé Biruta garantiu que até a próxima semana, o local já estará disponível para início das obras. Após esta fase de desapropriação, o projeto deverá ser finalizado e a licitação aberta.

De acordo com o engenheiro da Sabesp, Euclides Naoki Tubamota, o projeto já havia sido apresentado para a Prefeitura, mas nunca avançado para execução. “Protocolamos o pedido de desapropriação da área em 2016, mas não obtivemos grande retorno. Na reunião com o prefeito Zé Biruta, conseguimos chegar à soluções como nunca antes. Agora aguardamos a desapropriação para finalizarmos o projeto”, afirmou.

O prefeito Zé Biruta ressaltou a preocupação com os moradores destes dois bairros e destacou que a medida será uma solução definitiva. “Até há rede de esgoto nestes bairros, mas não como é adequado, sem o tratamento certo, o que traz não só desconforto à população, mas até deficiências na saúde pública. Com esta nova estação elevatória que será construída, estes problemas cessarão, além de se tratar de um ganho para a Prefeitura e para a Sabesp”, afirmou o chefe do Executivo ferrazense.

No encontro também estiveram presentes o gerente de departamento da Sabesp, Eduardo Camargo Afonso, o gerente de divisão da Companhia, Zemicindo Miguel Mendes, o encarregado de operações, Osvaldo Matias Neves, e o gerente de operações de esgoto, Wilian Ferreira dos Reis, além do secretário municipal de Obras, Planejamento Urbano, Saneamento, Verde, Meio Ambiente e Habitação, Antônio Carlos dos Santos Ferreira, o diretor da pasta, Neudir Ferreira da Rocha, e o vereador Luis Fábio Alves da Silva.

Limpeza da rede

Além de agilizar os tramites referentes à construção da estação elevatória, a Prefeitura de Ferraz também pediu para a Sabesp a limpeza da rede de esgoto já existente na Vila Cristina. A desobstrução deve ser iniciada ainda neste mês.

A equipe da Companhia também se reuniu nesta terça com moradores do bairro, que foram até o Paço Municipal para entregarem um abaixo assinado reivindicando soluções para o problema. O projeto foi apresentado aos ferrazenses, que se mostraram satisfeitos com o retorno.