De acordo com o relato de moradores, a presença da buraqueira em quase toda à extensão da Rua Hortência Alves da Silva, no Jardim das Flores, em Ferraz de Vasconcelos pode contribuir a qualquer momento para impedir a circulação de ônibus no bairro. Os trechos mais esburacados ficam em frente aos números 122 e 128 da citada via pública.

Neste caso, o maior temor dos moradores é que se continuar aumentando cada vez mais o tamanho e a profundidade das verdadeiras crateras em determinados perímetros da Rua Hortência Alves da Silva os coletivos que fazem a linha Jardim das Flores, o Parque São Francisco (via Estação Gianetti), passando pela estação ferroviária central até o Hospital Regional não poderá trafegar pelo local, em breve.

Aliás, há trechos em que o asfalto já ameaça desaparecer por completo. Cobrado com insistência por munícipes desde o ano passado, o vereador Ananias Coelho Neto (PSL), o Neto Cambiri implora por providências junto a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, no entanto, até agora os apelos do representante da comunidade não surtiram nenhum efeito prático. Ele voltou ao bairro nesta quinta-feira, dia 04.

“Na realidade, cobro direto ao diretor da pasta, João Paulo Rodrigues o fechamento da buraqueira que tanto afeta o dia a dia daqueles moradores, motoristas e transeuntes, mas fica tudo apenas no campo da promessa. Além disso, para ser bastante sincero tem vezes que o referido responsável sequer atende a minha ligação”, desabafa Neto Cambiri.

Para aliviar um pouco o sofrimento das pessoas residentes no Jardim das Flores e adjacências, o próprio parlamentar em parceria com a comunidade costuma fazer paliativos em diversos trechos da Rua Hortência Alves da Silva, todavia, trata-se de ações improvisadas e, portanto, não suportam a circulação, principalmente, de veículos pesados como são os casos de ônibus. “Enfim, só a Prefeitura deve sanar o problema”, diz Neto Cambiri.

Por Pedro Ferreira, em 04/10/2018.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui