A completa revitalização da Avenida Getúlio Vargas, em Calmon Viana, continua avançando. Hoje os secretários de Governo e Meio Ambiente, Fernando Miranda e de Transportes, Wilson Lopes e equipes, estiveram no local realizando o plantio de Palmeiras, da espécie Jerivá. Em breve, a avenida estará totalmente recuperada e contará com melhoria no pavimento, nas calçadas, na iluminação, no paisagismo, entre muitos outros benefícios.

Segundo o secretário de Governo e Meio Ambiente, Fernando Miranda, em toda a avenida serão plantadas 170 Palmeiras e nesta primeira fase do plantio a Getúlio Vargas já receberá 100 árvores. “É um trabalho incrível, muito especial, que vai valorizar muito bairro de Calmon Viana. Sem contar que o grande desafio hoje na cidade e no País é a questão ambiental, pois devemos fazer o bom uso da natureza, dos espaços verdes e realizar o plantio de árvores contribui muito nesta questão”, ressaltou.

Além do plantio de árvores, recentemente a Avenida Getúlio Vargas passou pelo trabalho de fresagem, para retirada do asfalto velho e colocação do novo com mais aderência. De acordo com o prefeito Gian Lopes, em breve a avenida estará totalmente recuperada e contará com melhoria no pavimento, nas calçadas, na iluminação, no paisagismo, entre muitos outros benefícios.

“Estamos avançando com a modernização e revitalização completa desta via. Após as obras será uma avenida com acessibilidade e todos os itens necessários para melhorar a mobilidade urbana. Uma obra que valoriza o bairro de Calmon Viana e principalmente os estabelecimentos comerciais”, explicou o prefeito Gian Lopes.

Os recursos para revitalização da Avenida Getúlio Vargas foram liberados pelo governo estadual e após intermediação do deputado estadual André do Prado. 

Meio Ambiente
A Prefeitura de Poá realizou recentemente uma operação de transplantio de árvores da Avenida Leonor Marques da Silva e da Praça Rotary, devido as obras para construção do novo viaduto. O objetivo foi salvar as árvores, que foram replantadas na Avenida Antônio Massa, muito utilizada por poaenses e moradores da região para prática de atividades físicas como caminhada e corrida. A operação foi acompanhada por técnicos do Departamento de Meio Ambiente e Recursos Naturais.

“As obras para construção do novo viaduto precisavam ser executadas em uma via com a presença de algumas árvores e por isso buscamos a melhor alternativa para questão. Realizamos a retirada das mesmas e o replantio em uma outra área, fazendo tudo com o menor impacto possível”, explicou Fernando Miranda, secretário de Governo e Meio Ambiente.

Fonte: Departamento de Comunicação de Poá