Faltando seis rodadas para o término da fase regular, o Mogi das Cruzes Basquete enfrenta o Corinthians nesta terça (10), às 20h, em São Paulo, em busca da vitória para se manter no G4 do NBB CAIXA (Novo Basquete Brasil). Em quarto lugar na competição, os mogianos disputam a posição com o Minas, quinto colocado. O jogo terá transmissão ao vivo da ESPN.

A equipe do técnico Guerrinha tem 16 vitórias em 24 jogos, mesmo número de triunfos dos mineiros, que têm um jogo e uma derrota a mais. O grupo realizou o último treino tático antes do duelo contra o time da capital nesta segunda (9) pela manhã. O Corinthians ocupa a décima colocação, com 12 vitórias em 24 partidas.

 “A gente vem passando por várias situações e isso vem nos preparando. Na minha opinião, o Corinthians tem um dos três melhores elencos do NBB. Está na posição abaixo da gente, mas em questão de elenco se destaca. Hoje foi trabalhado mais o lado mental, porque o campeonato entra em uma fase que não tem muito espaço para treino de volume. É mais jogo e trabalho mental mesmo”, ressalta o treinador.
O ala-pivô Alexandre Paranhos destaca a vontade e a resiliência do grupo na temporada e acredita que o time possa se superar mais uma vez e vencer o adversário jogando fora de casa. “Nos momentos mais difíceis, a gente acha força um no outro. Então, isso faz total diferença dentro da quadra. A gente acredita sempre. Pode estar 20 ou 30 pontos para o time adversário, vamos brigar até o último minuto para tentar sair com a vitória. A gente sabe que o campeonato é duro, mas o nosso foco é esse: continuar brigando pelo G4. A partida de amanhã é fundamental para isso”, enfatiza o Paranhos.

Após este duelo, o grupo ainda tem mais um jogo fora de casa nesta quinta (12), às 20h, contra o São José.

NO HUGÃO
O grupo volta a jogar no Ginásio Hugo Ramos na quarta (18), contra o Bauru, às 21h. Os ingressos para esta partida podem ser adquiridos com valor promocional de R$ 10 no quiosque do clube no Mogi Shopping ou pelo site totalticket.com.br/mogi.Também é possível comprar para a tribuna por R$ 40, com direito à meia, pipoca e refrigerante à vontade, e para o camarote (quadra) por R$ 120, com direito à meia e acesso à Sala Jaguá para um coffee break.

DESFALQUES
O Mogi Basquete não conta com o pivô Luís Gruber, que rompeu o ligamento do joelho esquerdo e só voltará na próxima temporada, e com o armador Lucas Lacerda, que sofreu uma fratura no pé esquerdo e segue em tratamento.

Fonte: COMUNICAÇÃO • MOGI BASQUETE