Por Junior dos Anjos

O governador de São Paulo, João Doria, discutiu com o presidente Jair Bolsonaro durante uma reunião virtual que aconteceu na manhã de hoje (25). Participavam da reunião os quatro governadores do Sudeste, o presidente da República e alguns ministros.

João Doria falou para Bolsonaro “dar exemplo ao País, e não dividir a nação em tempos de pandemia”. De acordo com algumas pessoas que participaram da reunião, Bolsonaro se exaltou e atacou o Doria chamando-o de “leviano” e “demagogo”.


“Sem diálogo não venceremos a pior crise de saúde pública da história de nosso País. Bolsonaro, início na condição de cidadão, de Brasileiro, Lamentando seu pronunciamento de ontem à noite à nação. Nós estamos aqui, os quatro governadores do Sudeste, em respeito ao Brasil e aos brasileiros, e em respeito também ao diálogo e ao entendimento. O senhor, como presidente da República, tinha que dar o exemplo. Tem que ser um mandatário para comandar, para dirigir e para liderar o País e não para dividir”, destacou o governador paulista.