O prefeito José Carlos Fernandes Chacon, o Zé Biruta, fez uma visita surpresa no dia 16 de abri local onde está sendo construído o Hospital de Campanha, acompanhado da secretária da fazenda, Silvana Francinete e uma equipe da secretaria da saúde para discutir assuntos relacionados a instalação dos equipamentos médicos e como deverá ser o procedimento dos possíveis pacientes.

O prefeito vistoriou toda instalação e disse em tom de tristeza que aquele local que serviu como referência do esporte ter que ser transformado em um equipamento de pessoas infectadas pelo Covid 19. “É triste a gente ter que instalar um Hospital de Campanha em um local que era frequentado por atletas, mas se é para salvar vidas, não medirei esforços para deixar essas instalações adequadas para dar suporte aos que precisarem,” disse o prefeito Zé Biruta.

A reunião foi pautada em primeiro lugar na qualidade do atendimento, em seguida, foi discutido que as pessoas que se sentirem com sintomas do coronavírus, podem ser encaminhadas das Ubs ou que poderão ir diretamente ao Hospital de Campanha, lembrando que, a capacidade de atendimentos diários será de 300 a 500 pessoas.

O Hospital de Campanha será dividido em 50 poltronas para atendimento leve e moderado, 20 leitos para casos graves e 10 UTIs para quem estiver com problemas respiratórios, nesses leitos terá inclusive respiradores. A previsão de início das atividades deve ocorrer em 3 de maio.

Estiveram presentes também na reunião os vereadores Flávio Batista, o Inha e Eliel Fox.

O atendimento será das 8 às 22 horas e os leitos das UTIs funcionarão 24 horas por dia.Fonte: DeCom Ferraz