A Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos protocolou em 08 de maio, na Câmara do município, o projeto de lei que trata da gratificação aos profissionais da saúde que estão na linha de frente no combate a Covid-19. A municipalidade solicitou urgência na apreciação por parte dos vereadores e aguarda a aprovação da Casa.

A norma prevê a gratificação extraordinária de R$ 300 por 90 dias, podendo ser prorrogado por igual período de acordo com a situação, aos servidores da pasta, mesmo aos que estejam passando pela Secretaria transitoriamente, salvo funcionários comissionados. O auxílio será oferecido independendo da carga horária cumprida.

A titular da Fazenda ferrazense, Silvana Francinete da Silva, destaca o quanto a medida poderá impactar no cotidiano dos profissionais, se aprovada. “Ela vai motivar os servidores em meio à esta luta tão árdua. Não está sendo fácil para ninguém, principalmente para eles que estão na linha de frente, dando seu melhor. Com certeza, com a gratificação, estes profissionais trabalharão com mais disposição ainda”, disse.

“Os servidores que atuam no enfrentamento a esta pandemia têm uma estressante e dura jornada pela frente, aliada ao desgaste emocional devido à pressão pela busca de resultados positivos. Neste sentido, nada mais justo que o município melhore a condição destes funcionários, mesmo sendo algo temporários, possibilitando o empenho máxima de cada um deles, que têm a nobre e essencial missão de cuidar da vida de tantos ferrazenses”, salientou o prefeito José Carlos Fernandes Chacon, o Zé Biruta, sobre as motivações para a elaboração do projeto.

Fonte: DeCom Ferraz