A Secretaria de Transportes e Mobilidade Urbana mantém a fiscalização nas ruas de Suzano quanto ao uso de máscaras em ônibus e vans durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), sendo agora também obrigatório entre os passageiros, como reforçado recentemente por determinação do governo estadual. Além disso, as equipes da pasta também atuam na orientação ao público e na organização das filas em frente às agências da Caixa Econômica Federal para recebimento do auxílio emergencial e dão continuidade aos trabalhos de melhoria da sinalização de trânsito por toda a cidade.

Há pouco mais de duas semanas Suzano realiza intensa fiscalização do uso de máscaras e álcool em gel no interior dos veículos do transporte público, conforme determina o decreto municipal nº 9.432/2020. Com o início da obrigatoriedade prevista em todo o Estado na última quinta-feira (07/05), a adesão do público cresce. “Na cidade não temos encontrado resistência ou dificuldades. A nossa orientação, no sentido de fiscalizar e conscientizar as pessoas, tem dado certo. Entre os motoristas e os cobradores, o uso é 100%. Entre os passageiros chegamos a 90%. Acredito que o público tem entendido a importância da ação”, explicou o secretário Claudinei Galo.   

Suzano conta nas linhas municipais com 120 ônibus regulares e 147 vans do sistema complementar, que devem seguir o decreto. Em caso de descumprimento entre os funcionários, os responsáveis estão sujeitos à penalidade com multa no valor de 300 Unidades Fiscais (UFs) do município, ou seja, R$ 1.041. A mesma regra vale para os 153 taxistas registrados na cidade.

Outra frente importante tem sido o trabalho de organizar as filas e orientar o público na porta das agências da Caixa em Suzano, que são procuradas para recebimento do Auxílio Emergencial oferecido pelo governo federal. “Ao longo dos últimos dias, colocação agentes à disposição para esta atividade, sobretudo no período da manhã, quando o movimento é maior. Também oferecemos o suporte material, fazendo a demarcação necessária no chão e utilizando fitas e cavaletes”, reforçou o secretário.    

Apesar do foco nas ações de combate à propagação do novo coronavírus, que incluem também o retorno da Zona Azul, a fim de restringir o número de pessoas nas ruas e assegurar estacionamento rotativo para quem realmente precisa, a pasta ainda mantém outros trabalhos.

Neste período, as equipes concluíram a sinalização de trânsito no último trecho da avenida Francisco Marengo que recebeu asfalto novo, com a colocação de prisma de concreto e tachões, pintura de solo e instalação de placas; executaram a retirada de oito lombadas da avenida Jorge Bei Maluf, na Vila Theodoro, que liga Suzano a Mogi das Cruzes, como forma de garantir mais fluidez no trânsito desta área; e reforçaram pintura de solo e instalação placas em várias pontos da cidade.
     

Crédito das fotos e Fonte: Wanderley Costa/Secop Suzano