A Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos, por meio do decreto municipal 6.293/2020, estendeu a quarentena até o dia 30 de novembro. A decisão tem como objetivo incentivar o isolamento social e fazer a manutenção de outras medidas a evitar o contágio pela Covid-19. Apesar de a cidade estar observando a diminuição dos números, o que permite certo grau de flexibilização, as aglomerações ainda estão proibidas, bem como eventos, etc.

A ação foi do prefeito José Carlos Fernandes Chacon, o Zé Biruta, com foco em colocar o município em consonância com as ações do governo do Estado. Vale destacar que a Guarda Civil Municipal (GCM), Vigilância Sanitária e departamento de Fiscalização de Posturas de Ferraz têm realizado diversas verificações para o pleno cumprimento da quarentena.

Atualmente, o município ferrazense tem mais de 3,7 mil casos confirmados do novo coronavirus e mais de 170 mortes confirmadas. 11,4 mil casos da doença já foram notificados na cidade.

O prefeito Zé Biruta reafirmou a necessidade do isolamento social, bem como o cumprimento total da quarentena. “Não é porque os números estão diminuindo que não é mais preciso se guardar. O vírus continua sendo o mesmo e o perigo também, ou seja, não é hora de relaxar os cuidados. Por isso, o isolamento social e a prorrogação da quarentena são essenciais neste período”, afirmou o chefe do Executivo ferrazense.