A Prefeitura de Mogi das Cruzes intensificará a fiscalização sobre o desrespeito às normas de enfrentamento à pandemia durante o feriado prolongado de Corpus Christi, a partir desta quinta-feira (03/06). O trabalho terá a participação do Departamento de Fiscalização de Posturas da Secretaria Municipal de Segurança e da Guarda Municipal, com apoio da Polícia Militar.

No último final de semana, foram registradas 16 autuações por desrespeito à pandemia e perturbação de sossego. Além disso, a Guarda Municipal evitou a ocorrência de três aglomerações.

O objetivo do trabalho é evitar a ocorrência de aglomerações na cidade, comportamento de risco para a transmissão do coronavírus. Como todo o estado, Mogi das Cruzes está na Fase de Transição do Plano São Paulo. A medida foi prorrogada pelo Governo do Estado até o dia 14 de junho.

O trabalho de fiscalização também fará o acompanhamento e o patrulhamento em locais com risco de ocorrência de aglomerações e dos chamados pancadões. Entre os pontos estão o Parque Olímpico, a Vila Nova Mogilar, as regiões do Centro Cívico e do Parque Monte Líbano, os distritos de Jundiapeba e de Cezar de Souza.

A população pode auxiliar neste trabalho com denúncias pelo telefone 153, da Central Integrada de Emergências Públicas (Ciemp), que atende 24 horas por dia.

Final de semana

Entre a noite desta sexta-feira (28/05) e este domingo (30/05), a Central Integrada de Emergências Públicas (Ciemp) recebeu 304 chamados referentes ao desrespeito à pandemia. Deste total, 142 não eram procedentes.

Neste período, foram registradas 16 autuações. Destas, sete foram por desrespeito às normas de enfrentamento à pandemia, nos bairros Jardim Esperança, Conjunto Santo Ângelo, Jundiapeba, Jardim Planalto, Vila Patêrnio e Jardim Armênia. Outras seis foram por desrespeito à Lei do Silêncio, na Vila Industrial, Conjunto Santo Ângelo, Parque Olímpico, Vila Joia e Vila Cintra. Também foram registradas três autuações por pancadão, nos bairros Mogilar, Rodeio e Jardim Santos Dumont. 

Neste final de semana, a Guarda Municipal também evitou três aglomerações. Os flagrantes aconteceram nas regiões da rua Narciso Lucarini, da praça Norival Tavares e no bairro do Mogilar.

Ainda durante o final de semana, a Guarda Municipal atendeu cinco denúncias de violência doméstica, dois flagrantes de tráfico de entorpecentes, uma de furto e outra de roubo. Ao todo, oito pessoas foram detidas.