O Centro de Fisioterapia Dr. Alfredo Walter Regner, finalizado há alguns meses em Ferraz de Vasconcelos, ainda não foi inaugurado e está em situação de abandono. Além de facilitar o deslocamento de várias pessoas, a nova unidade de fisioterapia reduziria a fila de espera da outra unidade presente na cidade.

O motivo que não permite a inauguração do centro de fisioterapia é a falta de mão de obra. A prefeitura não tem permissão para realizar concursos públicos até o dia 31 de dezembro deste ano, porém, é permitido que a administração da cidade abra um chamamento público para fechar parceria com uma entidade privada, que gerenciaria a unidade.

No dia 31 de agosto deste ano, o vereador e principal articulador da obra, Luiz Fábio Alves da Silva (PSB), o Fabinho, fez um pedido para que a unidade fosse inaugurada com urgência. Segundo Fabinho, existe uma fila de espera de mais de 300 pacientes, tornando primordial o início do atendimento nesta unidade.

De acordo com o vereador, a mobília do local foi doada pela Caixa Econômica Federal (CEF) e já existe dinheiro disponível para adquirir os equipamentos médicos, dinheiro esse que veio através de uma emenda parlamentar do deputado estadual Carlos Cezar (PSB), no valor de R$ 250 mil.

“Enfim, recurso encontra-se em caixa desde a gestão do prefeito, José Carlos Fernandes Chacon, o Zé Biruta, que não conseguiu fazer a compra dos equipamentos, porém, compete a atual administração tirar do papel”, disse Fabinho, na ocasião.

O vereador Fabinho também disse que tem a promessa do deputado estadual ferrazense, Rodrigo Gambale (PSL), que prometeu destinar uma emenda no valor de R$ 200 mil para a unidade.

O Centro de Fisioterapia Dr. Alfredo Walter Regner está localizado na Rua Francisco Sperandio, s/n, na Cidade Kemel, em Ferraz de Vasconcelos.

Confira a transmissão em que a TV Cenário mostrou a situação do local e comentou sobre o caso.