NO MOMENTO OPORTUNO!

Sabe quando um vereador está com a palavra na tribuna, e outro parlamentar pede para falar também? E ele diz assim: “no momento oportuno vereador”. Ele está dizendo o seguinte: “deixa eu terminar o meu raciocínio que, em um melhor momento, eu deixo você falar”.

É exatamente desta maneira que eu estou me sentindo. Por diversos momentos eu tentei alertar, tentei mostrar algumas verdades, e as vozes que estavam com os microfones nas mãos, e junto com seus grupos poderosos de criadores de fake news, conseguiram naquele momento calar a minha voz.

Me difamaram na cidade com seus vídeos mentirosos e feriram a minha família. Porém, o tempo passa, as coisas vão se apresentando e a cidade vai descobrindo quem é quem.

Mas, não se preocupem, pois, o melhor ainda está por vir e, no momento oportuno, não sobrará pedra sobre pedra.

TONHO MOSTROU QUE NÃO TEM MEDO MESMO!

O vereador Tonho demorou para conceder uma entrevista ao Bom dia Cenário, mas, quando deu, meu amigo…

Tonho falou de tudo um pouco, falou de como a prefeita Priscila Gambale (PSD) pegou a cidade deixada por Zé Biruta: “a prefeita pegou a cidade com mais de R$ 70 milhões em caixa”. Falou que, quem manda na prefeitura não é ela, e sim, Rodrigo Gambale (PSL), falou sobre a forma arrogante que Rodrigo Gambale trata os parlamentares. Disse que o deputado Gambale só votou contra os servidores públicos. E claro, não se furtou em falar de coisas polêmicas, como por exemplo, o aumento da passagem de ônibus e sobre a polêmica envolvendo a suposta irregularidade de um contrato com um laboratório denunciado por uma servidora pública.

CARTA MARCADA?

Em um ponto da entrevista, Tonho deixou claro que, um grupo de pessoas estaria se movimentando para fazer uma denúncia ao Ministério Público (MP) sobre possíveis contratos que seriam “carta marcada”, isso quer dizer, favorecimento de contratos para empresas que teriam ligação direta com pessoas da prefeitura. Tonho chegou a responder uma internauta dizendo que, ele não era um vereador que fecharia os olhos para as irregularidades. “Não irei prevaricar”, disse o vereador.

CONTRADISSE ELIEL FOX

Quando questionado ainda sobre o caso da biomédica Amanda Rodrigues, que denunciou um suposto esquema de superfaturamento em notas fiscais de um laboratório que presta serviços para a Prefeitura de Ferraz, e que o vereador Eliel Fox, disse no programa que tudo já tinha sido resolvido, e que as denúncias apresentadas não tinham fundamento, Tonho fez questão de dizer que não era bem assim, e que a comissão que avaliaria o caso, ainda não foi criada. Aí fica a pergunta: “de onde Eliel Fox tirou essa história?”.