O Instituto Butantan informou que a vacina contra a influenza já está sendo produzida e que será distribuída no Sistema Único de Saúde (SUS) em 2022. A vacina é trivalente, composta pelos vírus H1N1, H3N2, do subtipo Darwin, e a cepa B.

A notícia vem em um momento em que o país registra um alto número de infecções por influenza, lotando ainda mais os hospitais, que antes já estavam lidando com os casos de Covid-19.

A nova versão da vacina da influenza conta com as cepas H3N2 (Darwin), H1N1 e B em sua formação, que precisaram ser importadas da Europa. A única que se manteve foi a H1N1.

“As cepas importadas são encaminhadas para o laboratório piloto, que produzirá um lote de banco trabalho, que posteriormente será utilizado na produção dos IFAs; tudo isso seguindo um cronograma definido de entregas ao governo que devem ser feitas entre março e abril”, explica o gerente de produção da vacina da influenza do Butantan, Douglas Gonçalves de Macedo.

O instituto também afirmou que uma versão tetravalente da vacina da influenza, com duas cepas o vírus A e duas cepas do vírus B, também está sendo desenvolvida e que deverá substituir a trivalente no futuro.