O programa Cata-Treco, da Prefeitura de Suzano, terá nova agenda de serviços a partir desta quarta-feira (22/06) com a visita dos dois caminhões em 15 bairros do município. A ação, que vai percorrer as ruas da cidade recolhendo materiais inservíveis, descartados pela população, vai durar sete dias úteis. A programação completa pode ser acessada por meio do site oficial da prefeitura (www.suzano.sp.gov.br/web/governo/cata-treco-programacao/). 

O primeiro veículo irá passar pelas vias do Cidade Miguel Badra, Sesc, Badra-Planalto, Jaguari e Chácara Miguel Badra. O segundo caminhão tem programação prevista para os bairros Vila Fátima, Parque Buenos Aires, Jardim Três Américas, Estância São Luís, Chácara das Hortênsias, Jardim das Lavras, Jardim das Lavras Mirim, Parque Palmeiras, Parque das Cerejeiras e Jardim Restinga. 

Os moradores destes locais terão até terça-feira que vem (28/06) para deixar do lado de fora das casas madeiras, mesas, sofás, colchões, eletrodomésticos e outros inservíveis, exceto resíduos de construção civil (entulho). O serviço também contempla o recolhimento de isopor, vidro e todos os tipos de óleo, que deverão ser entregues em garrafa PET fechada. A programação prevê que os veículos passem pelas ruas entre 8 e 17 horas. 

A população que desejar contar com o serviço, de iniciativa da Secretaria Municipal de Governo, deve preencher um formulário por meio do link bit.ly/CTnoBairro para solicitar a vinda do caminhão. O chefe da pasta, Alex Santos, destacou o serviço prestado aos moradores de Suzano. “Com o ‘Cata-Treco’ a gente auxilia os moradores a descartarem objetos e móveis que não possuem mais uso e, por tabela, evitamos que estes mesmos inservíveis sejam descartados em locais públicos, contribuindo para a formação de enchentes e degradação dos espaços”. Vale lembrar que o morador pode denunciar o descarte irregular por meio da Ouvidoria Municipal, de forma anônima, pelo telefone 0800-774-2007. 

‘Cata-Treco Solidário’

Além de promover a retirada consciente, o programa aborda o “Cata-Treco Solidário”, que direciona a demanda recolhida à Central de Triagem do Jardim Colorado, ocorrendo duas vezes por semana, sendo que a arrecadação passará pelo processo de triagem, prensa e venda do material reciclado. Metade desta comercialização é direcionada para as 14 famílias da cooperativa parceira.